segunda-feira, 16 de março de 2015

KAYEMBE NÃO JOGA CONTRA O PORTO E AGORA NÃO HÁ INDIGNAÇÃO NAS VIRGENS

Kayembe não joga, FC Porto 1-0 Arouca, Pedro Emanuel, Liga NOS Portugal, 2015

P edro Emanuel deixa de fora jogador do Porto. Com o FC Porto não há indignação das virgens! Imprensa desportiva em silêncio!


Porto vs Arouca e um dos melhores jogadores do visitante Arouca, fica de fora sem razão convincente. Kayembe foi titular nos últimos 7 jogos do campeonato.

Os canetas de aluguer tudo calado! Não há vergonha na cara. As virgens não se vêem, ninguém se indigna, não se publicam títulos em letras bem gordas a vermelho nas primeiras páginas, não há reportagens na televisão, os comentadores da serventia e da avença, da propaganda do azul dos inúmeros programas da gritaria anti Benfica, não se indignam! Não há colinho.

O sistema está bem vivo, para se poder continuar a dominar o futebol e outros meandros é necessário uma forte propaganda, és dos livros, da história, para se manter sistemas corruptos monopolistas, autoritários é fundamental a propaganda do branquear a verdade e do controlo da opinião, é a estratégia de branquear e da desinformação, mentir até se tornar a verdade, neste caso é fundamental passar a ideia do colo, fomentar a discussão no outro lado, desviar as atenções para o Benfica, o velhinho dividir para reinar, enquanto se levanta a poeira no encarnado, o azul batota ganha espaço e tempo para continuar a vencer fora dos campos de futebol.

Até ao fim vai existir campeonato, a estratégia do colinho, existiu, para agora ser mais fácil aos Vascos Santos e Artures Soares Dias deste mundo poderem, jogar os trunfos na tentativa de retirar pontos à melhor equipa, ao melhor futebol, ao Campeão Nacional. Por outro lado temos os Conceições, os Emanueis, os Quintas, a colocarem as suas equipas a comer a relva contra o Glorioso e a fazerem "os casos de polícia" com o FC Porto, bem vindos à Liga NOS (deles) Portugal.

«Não dou justificações a ninguém mas vou abrir uma exceção. O Kayembe treinou condicionado durante a semana e para mim a última palavra é sempre dos jogadores. Considerei, depois de falar com ele, não estava a 100% para dar aquilo que pretendo dentro de campo, por isso não esteve presente»
Declarações de Pedro Emanuel exaltado com a incomoda questão.

Quatro partidas entre FC Porto e Arouca, Arouca perdeu sempre, sofrendo 13 golos e apenas 2 marcados. Média de golos sofridos com o FC Porto é de 3,25 golos por jogo. Arouca é mais uma equipa satélite do clube das antas.

+ Recentes