segunda-feira, 18 de maio de 2015

UM AMOR QUE SE CHAMA BENFICA! Guilherme Cabral

Benfica, SL Benfica, Guilherme Cabral, Benficabook, videos, 2015

V iver o Benfica não se explica sente-se! Mais um brilhante trabalho com a assinatura Guilherme Cabral.


PARABÉNS BI CAMPEÃO
Lembro-me como se fosse hoje...
Enquanto o povo pedia o Bi Campeonato com todas as letras
O Benfica ia vendendo os seus principais jogadores
Foi-se o Oblak, o Siqueira, o Garay, o Markovic, o Rodrigo...
Enquanto nós víamos os nossos partir
O nosso maior rival garantia "grandes promessas" do futebol mundial
Vindos dos melhores clubes do mundo
O campeonato ainda nem sequer tinha começado e os "entendidos" já diziam que era fácil adivinhar, quem iria ser o vencedor disto tudo
Na Luz? Na Luz via-se uma equipa praticamente nova
Com dificuldades em crescer
Estávamos a anos de Luz do futebol que praticávamos no final da época passada
Mas lá fomos fazendo o nosso trabalho
COM TODA A HUMILDADE DO MUNDO
A péssima campanha europeia fazia-nos pensar que só um milagre nos podia levar ao tão desejado Bi Campeonato
Mas a pouco e pouco, contra tudo e contra todos
Fomos mostrando aquilo que somos
E quando faltava arte para pôr a bola lá dentro
O Eusébio descia à terra
Mascarava-se de Eliseu e resolvia a questão à bomba
E foi aí que sentimos que nós não estávamos a lutar sozinhos
E isso fez-nos acreditar que o nosso sonho era mais que possível
Foi então que arregaçamos as mangas
Fomos à guerra com as armas que tínhamos e mostrámos aquilo que somos
E quando ninguém esperava mostrámos em pleno dragão que os jogos não se vencem pelos "nomes" que tu trazes nas costas
Mas sim pelo emblema que carregas no peito...
E nisso...
CONTINUAR A LER

V iver o Benfica não se explica sente-se! Mais um brilhante trabalho com a assinatura Guilherme Cabral.


PARABÉNS BI CAMPEÃO
Lembro-me como se fosse hoje...
Enquanto o povo pedia o Bi Campeonato com todas as letras
O Benfica ia vendendo os seus principais jogadores
Foi-se o Oblak, o Siqueira, o Garay, o Markovic, o Rodrigo...
Enquanto nós víamos os nossos partir
O nosso maior rival garantia "grandes promessas" do futebol mundial
Vindos dos melhores clubes do mundo
O campeonato ainda nem sequer tinha começado e os "entendidos" já diziam que era fácil adivinhar, quem iria ser o vencedor disto tudo
Na Luz? Na Luz via-se uma equipa praticamente nova
Com dificuldades em crescer
Estávamos a anos de Luz do futebol que praticávamos no final da época passada
Mas lá fomos fazendo o nosso trabalho
COM TODA A HUMILDADE DO MUNDO
A péssima campanha europeia fazia-nos pensar que só um milagre nos podia levar ao tão desejado Bi Campeonato
Mas a pouco e pouco, contra tudo e contra todos
Fomos mostrando aquilo que somos
E quando faltava arte para pôr a bola lá dentro
O Eusébio descia à terra
Mascarava-se de Eliseu e resolvia a questão à bomba
E foi aí que sentimos que nós não estávamos a lutar sozinhos
E isso fez-nos acreditar que o nosso sonho era mais que possível
CONTINUAR A LER

+ Recentes